Representatividade

Fim do parcelamento sem juros prejudicaria o comércio

20 de Fevereiro de 2018

Fim do parcelamento sem juros prejudicaria o comércio e Sindilojas-SP se posiciona contra a proposta

O setor de cartões de crédito quer acabar com a modalidade de parcelamento sem juros. No lugar, estudam uma proposta de crediário que seria oferecida ao consumidor. A proposta integra um conjunto de medidas que as empresas de cartões vêm estudando desde o fim de 2016, a pedido do órgão regulador, com a intenção de reduzir custos, ampliar o uso desse meio de pagamento e aproximar o modelo brasileiro das práticas internacionais. No entanto, se aprovada, a proposta será extremamente prejudicial para o comércio.

“O consumidor brasileiro já tem o costume de planejar suas compras a prazo sem a aplicação de juros. Ele calcula o valor parcelado que consegue pagar a cada mês e realiza suas aquisições.  Modificar esse hábito num momento em que o país começa a sair vagarosamente de uma crise severa significa retrocesso”, avalia Ruy Pedro de Moraes Nazarian, presidente do Sindicato dos Lojistas do Comércio de São Paulo (Sindilojas-SP).

Atualmente no Brasil, o custo dos juros está embutido no valor pago pelo consumidor. O cliente realiza uma compra no cartão de crédito com determinado número de parcelas e depois de 30 dias em que a venda foi realizada, o lojista recebe o valor da transação e o restante do dinheiro conforme parcelamento. A questão alegada pelas operadoras de cartão é que o risco de inadimplência recaí apenas sobre as mesmas. A proposta é de antecipar de 30 para 5 dias o recebimento do lojista, e o banco assumiria o risco, mas cobrando pelo parcelamento, num modelo muito próximo ao praticado internacionalmente.

Sobre o Sindilojas-SP

O Sindilojas-SP é uma entidade empresarial representante de 30 mil empresas do comércio lojista e 100 mil empresários da cidade de São Paulo, estabelecidos em Shopping Centers e lojas de rua e defende amplamente os interesses dos lojistas do comércio, priorizando o desenvolvimento, a livre iniciativa e a segurança do varejo da capital.

Dúvidas? Fale conosco pelo 11 2858.8400 ou via  faleconosco@sindilojas-sp.org.br

 

Confira mais ações de representatividade do Sindilojas-SP

Comércio não pode ser responsável pela coleta de resíduos eletroeletrônicos

Instalação de câmeras pode “quebrar” Pet Shops

Solicitação de segurança e policiamento é atendida

Por dentro do Sindilojas-SP