Pages Menu
Facebook
Categories Menu

Posted on 01/06/15 in Palavra do Presidente

Ordem do dia: precaução

Às vésperas de um novo semestre, fechamos a primeira metade do ano um tanto aquém às perspectivas outrora apontadas pelos economistas. O setor do comércio, infelizmente, não encerra este primeiro turno de 2015 de forma satisfatória.

Uma inflação corrosiva, os juros astronômicos, o desemprego alarmante, muitos feriados prolongados e um Dia das Mães pífio (o pior desempenho da data em anos) fizeram deste primeiro semestre um período de certo prejuízo para o comércio. Lojistas de todos os ramos e portes foram afetados, de alguma forma. Grandes, médios e pequenos – estes, principalmente – sentiram o pesar de uma recessão econômica progressiva.

Infelizmente, o Dia dos Namorados este mês também não dá indícios de que virará o jogo para os lojistas. Segundo levantamento feito pelo Sindilojas-SP em maio último, os consumidores continuam muito cautelosos para suas compras sazonais (exemplo do já mencionado Dia das Mães). A segunda quinzena do mês, que habitualmente já apresenta alguma movimentação nas vendas para a data, não registrou qualquer alta nesse quesito. Entramos agora em junho e a situação continua a mesma.

Meu conselho, leitor, é precaução. Esteja preparado para um segundo semestre similar. A economia brasileira ainda vai oscilar por mais alguns meses, isso é fato. Portanto, mantenha os pés no chão e trabalhe de acordo com a realidade. A inadimplência no setor – outro fator a ser considerado – continua avançando. Ela ainda vai nos acompanhar por algum tempo, esteja ciente disso.

De todo modo, bons negócios. Apesar dos pesares, ainda é possível que cada um faça a sua parte. E a faça da melhor forma possível.

Ruy Pedro de Moraes Nazarian

Presidente do Sindilojas-SP