Pages Menu
Facebook
Categories Menu

Posted on 06/06/16 in Gestão Empresarial

Pequenos cuidados, grandes resultados

Base de informações: SebraeSP

Existem certos cuidados que, independentemente do perfil do negócio e das condições do lojista, devem ser considerados sob caráter de prioridade na administração de um comércio. Ignorá-los pode significar um potencial risco ao negócio – quando não, dependendo do caso e das circunstâncias, seu atestado de falência. Colocação um tanto trágica, de fato, mas a pura verdade.

A seguir, a Revista Sindilojas-SP lista alguns aspectos que, como já dito, precisam ser levados em conta de qualquer jeito, já que o objetivo é não apenas sobreviver, mas se sobressair diante da incansável e sempre atenta concorrência. Acompanhe-nos etapa por etapa, leitor.

FACHADA

Explore a área frontal de sua loja: muros, paredes, luminosos, etc. Bastante atenção ao modo como trabalho a iluminação desse espaço e às cores a serem trabalhadas nele. Procure valorizar o significado de cada data promocional (Dia dos Namorados, das Crianças, Natal, etc.) com criatividade e, acima de tudo, bom senso.

VITRINE

Um dos recursos mais necessários para atrair consumidores para sua loja. Segundo especialistas em visual merchandising, a vitrine tem 30 segundos para despertar o interesse, provocar o desejo e levar à ação de quem passa diante dela. Procure sempre ser ousado em sua composição. Contudo, evite excessos para não gerar poluição visual e informativa.

ACESSO/MOBILIDADE

Acredite: é o sonho de todo consumidor circular com conforto dentro de uma loja. Portanto, facilite ao máximo sua circulação entre seus corredores, gôndolas e ilhas. E não se esqueça dos cadeirantes, OK? Estude bem as dimensões do seu estabelecimento e, se possível, disponha rampas e planos de acesso diferenciado.

LAYOUT

Uma livre circulação permite ao cliente uma visão plena da loja e de tudo o que está nela. Planeje bem o layout do seu estabelecimento desde sua porta de entrada e evite obstáculos e bloqueios visuais. Para uma eficiência maior do seu empreendimento, tudo deve ser (bem) visto.

ARRANJO DOS PRODUTOS

Estude bem a localização dos produtos nas gôndolas, prateleiras, expositores, araras, cabides, ilhas e pilhas. Leve em conta todas as características físicas desses produtos: tamanho, cor, peso, numeração e necessidade ou não de submetê-los a cuidados especiais, como refrigeração.

APRESENTAÇÃO DE PRODUTOS

Evidencie bem as características principais de cada produto a ser oferecido. Destaque-o sob iluminação especial – se for o caso, focada – de modo a atrair a atenção dos consumidores para ele. As embalagens devem sempre ser mantidas em boas condições, afinal, o consumidor de hoje já está bem consciente de que ele também paga por ela ao adquirir um produto.

ILUMINAÇÃO

Trabalhe com iluminação artificial e natural internas para destacar mercadorias, decorar espaços especiais e acompanhar o estilo e a personalidade da loja. Nesse quesito, leve sempre em consideração o aspecto da onda sustentável a qual o comércio vem aderindo com vigor nos últimos anos. Portanto, trabalhe ao máximo com iluminação natural e suas variadas composições. Economize energia.

PROVADORES

Essenciais para incentivar uma compra, eles devem ser sempre bem iluminados, climatizados e ‘clean’. Também devem passar a sensação de segurança e privacidade a quem os utiliza. Isso é muito importante para o consumidor.

CLIMATIZAÇÃO

Em um país tropical como o nosso, a temperatura ideal situa-se entre 22°C e 26°C. Isso impacta diretamente no tempo de permanência do cliente no interior da loja e, por extensão, no volume de vendas.

PROMOÇÃO DE VENDAS

Estipule prazos para manter a atratividade e o forte apelo da oportunidade. Incentive e divulgue para seu público-alvo com comunicação interna e externa uniformizada. Seja objetivo em sua proposta. Persuasão é tudo para um comércio.

Veja porque o Sindilojas-SP é importante para você

Visite nosso Portal de Benefícios | Visite nossa página no Facebook