Representatividade

Sindilojas-SP defende empresários de pet shop na Câmara Municipal

24 de agosto de 2017
Na foto: Da esquerda para a direita: Roberto Chikusa, assessor jurídico; Ruy Nazarian, presidente do Sindilojas-SP; Valquiria Furlani, diretora do departamento jurídico do Sindilojas-SP e Paulo Boscolo, superintendente do Sindilojas-SP

 

O presidente do Sindilojas-SP, Ruy Nazarian, juntamente com o superintendente Paulo Boscolo e a coordenadora do departamento jurídico da entidade, Valquiria Furlani, foram recebidos na Câmara Municipal de São Paulo na tarde da última quarta-feira (23/08) pelo assessor jurídico Roberto Chikusa, em nome do vereador George Hato, do PMDB, para ouvir as reivindicações que a entidade tinha a fazer referente à necessidade de cadastramento de pet shop no Cadastro Municipal de Vigilância Sanitária, de acordo com a Lei nº 14.483, que teve sua íntegra alterada pelo PROJETO DE LEI Nº 0127/14 do vereador Hato.

“Muitos vereadores, mesmo que com as melhores intenções, não conhecem as particularidades das categorias quando criam um Projeto de Lei. E o Sindilojas-SP está munindo esses legisladores com informações para que os mesmos tenham mais dados e visão do negócio no momento de desenvolver uma lei”, explicou a advogada, que também coordena a Câmara Setorial dos Lojistas de Pet Shop do Sindilojas-SP.

De acordo com consulta pública realizada pelo Sindilojas-SP, não há necessidade de pet shop ter registro na Vigilância Sanitária. “Essa solicitação acarreta em mais um custo para o já tão onerado empresário”, explica Nazarian.

As reivindicações foram ouvidas e o Sindilojas-SP aguarda um posicionamento.

 

Para saber mais sobre a Câmara de Pet Shop do Sindilojas-SP, e como participar dos trabalhos, entre em contato pelo telefone 11 2858 8400 ou e-mail: faleconosco@sindilojas-sp.org.br