Palavra do Presidente

Aguardar com paciência é diferente de cruzar os braços

23 de abril de 2019

Na espera da Reforma Tributária, recuperamos tributos

O dicionário brasileiro da língua portuguesa, Michaelis, define a palavra paciência como: perseverança em realizar ou continuar um trabalho, apesar das dificuldades; constância. Acredito que essa é uma boa definição dos empresários brasileiros e do Sindilojas-SP. Estamos, todos, sempre na busca de nos reinventarmos com foco não apenas sobrevivência, mas principalmente no crescimento sustentável, sem desistirmos perante os obstáculos.

Os empresários lutam diariamente para manter seus negócios em meio à crise econômica que ainda não nos abandonou, cargas tributárias altíssimas, concorrência desleal, insegurança e tantas outras mazelas que assombram o cotidiano de todos.

E aqui, no Sindilojas-SP, também recorremos à paciência ante a morosidade que acompanha nosso País. Mas, assim como você, empresário, sabemos que aguardar com paciência é diferente de cruzar os braços. Por isso, diariamente buscamos soluções para amenizar as dificuldades enfrentadas pelo comércio de São Paulo.

Defendemos constantemente as bandeiras do comércio. E, sem dúvida, uma das mais atuais e necessárias é a da Reforma Tributária. Destaque na mídia nos últimos meses, o assunto requer análise profunda devido à sua complexidade. Mas, o que sabemos com certeza, é que não dá mais para os empresários continuarem pagando as altas taxas da carga tributária brasileira.

Recentemente, participamos do lançamento da Proposta de Simplificação Tributária para melhorar o ambiente de negócios brasileiro e trouxemos aqui no site os 12 anteprojetos que foram apresentados pelo jurista Ives Gandra da Silva Martins no encontro.

Enquanto a proposta está em análise, buscamos alternativas para que alguns tributos voltem ao caixa dos nossos associados por meio de ações coletivas, como a do recolhimento do PIS e COFINS sem a inclusão da parcela relativa ao ICMS em suas bases de cálculo, além da restituição do que foi pago a maior, desde dezembro de 2001 até a presente data, devidamente corrigido pela taxa SELIC. E afirmo aqui que diversas empresas já estão se beneficiando dessa ação.

Fica então o meu convite para que você, associado, conheça nossas outras ações coletivas e continue contribuindo com o sindicato que realmente o representa.

Ruy Pedro de Moraes Nazarian
Presidente do Sindilojas-SP

×

Olá!

Clique em nosso representante abaixo para conversar pelo WhatsApp ou envie um email para faleconosco@sindilojas-sp.org.br

× Como posso te ajudar?