COVID-19

Linhas de crédito emergenciais precisam chegar nos pequenos

10 de julho de 2020

Em recente pesquisa com seus representados, o Sindilojas-SP verificou que a maior dificuldade hoje do empresário é a manutenção das despesas. Aliás, essa foi a maior aflição da atualidade, apresentada por 93% das empresas que participaram do levantamento.

Desde o início da pandemia, o Sindilojas-SP vem pleiteando incansavelmente aos governos das diferentes esferas e instituições financeiras, tanto a prorrogação dos prazos de taxas e impostos, quanto a liberação de crédito, principalmente para as micro e pequenas empresas, que sofrem barreiras na aquisição de capital.

O Sindilojas-SP mantém constante diálogo com seus representados para trazer as melhores soluções para o enfrentamento da COVID-19. Para isso, aplica pesquisas que demonstram a realidade dos lojistas do comércio da capital de São Paulo

Para o Sindilojas-SP, os recursos financeiros, como do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), que hoje só estão disponíveis pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil, precisam ter sua distribuição nas mais diversas instituições públicas e privadas, como bancos, cooperativas e fintechs.

Outra solicitação recorrente da entidade é que os processos para aquisição de crédito sejam desburocratizados pelos bancos, com mais agilidade e menos exigências.

O Sindilojas-SP continua em contato permanente com os bancos buscando ajudar os lojistas nesta empreitada.

DÚVIDAS? Estamos à disposição para esclarecimentos e orientações pelo  WhatsAPP 11 2858.8402 ou telefone 11 2858-8400. 

×

Olá!

Clique em nosso representante abaixo para conversar pelo WhatsApp ou envie um email para faleconosco@sindilojas-sp.org.br

× Como posso te ajudar?