Gestão Empresarial

Certificado Digital: recurso essencial em uma empresa

22 de setembro de 2015

Fonte: Revista Sindilojas-SP

Sinceramente, empresário? SIM. De fato, ele é um recurso muito importante hoje em dia. Os motivos que justificam essa importância são diversos e praticamente todos eles estão de alguma forma relacionados à questão da segurança e da propriedade idônea de seu titular.

Em apertada síntese, um Certificado Digital é um documento eletrônico que serve para atestar que uma pessoa . seja ela física ou jurídica . é, de fato, quem ela alega ser. Podemos dizer que é uma espécie de carteira de identidade digital.

Dentre suas diversas finalidades, conta-se a vantagem de se assinar digitalmente um documento, um arquivo, um programa ou até mesmo um site inteiro (!) na internet. Praticamente tudo que conte com a validação de um Certificado Digital garante a segurança contra eventuais tentativas de fraudes em nome de uma pessoa ou empresa.

Validade jurídica

O Certificado Digital corresponde a uma assinatura com validade jurídica que garante muito mais proteção às transações eletrônicas e outros serviços realizados pela internet, permitindo que pessoas e empresas se identifiquem e assinem digitalmente de qualquer lugar do mundo com agilidade e, claro, segurança. Existem diferentes tipos de certificados, que variam conforme a necessidade de cada um dos seus usuários. Alguns exemplos:

  • e-CPF: uma espécie de identidade digital que permite a realização de operações na internet com a mesma validade do CPF físico.
  • e-CNPJ: vinculado a empresas, esse tipo de certificado é emitido como um representante legal da empresa.
  • NF-e: certificado emite e armazena notas fiscais eletrônicas.

Vale destacar que no comércio, os principais produtos adquiridos costumam ser o e-CNPJ e o NF-e, em razão da necessidade do documento para emissão da Nota Fiscal Eletrônica e da Nota Fiscal Eletrônica ao Consumidor. Além dos cuidados necessários ao armazenar esse documento e manter a senha sob sigilo, é crucial a atenção a data de vencimento. Caso ocorra, o certificado perde sua validade.