Mercado

Desempenho do mercado de móveis é positivo

11 de Abril de 2018

De acordo com o Relatório de Conjuntura e Comércio Externo, da ABIMÓVEL (Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário), em relação à produção de móveis, em volumes, houve alta de 12,4% em janeiro deste ano, comparando com o mesmo período de 2017, conforme dados do IBGE. No acumulado dos doze últimos meses, houve crescimento de 5,9%.

Quanto à produção da Indústria de Transformação, o relatório aponta um crescimento de 2,2% em Janeiro, em comparação com Dezembro. No comparativo com o primeiro mês do ano de 2017, também mostra crescimento de 6,7%.

Comércio externo de móveis

A divulgação também mostra que o Estado de São Paulo foi o responsável por 43% das importações brasileiras de móveis entre os meses de Janeiro e Fevereiro deste ano. Na sequência, aparecem Santa Catarina, com 14,3%; Paraná, com 10,7%; e Goiás com 6,8%. Destaque para os estados da Região Sul do país que, juntos, representam 31,2% do total de valores importados em Janeiro e Fevereiro de 2018.

Quanto às exportações de móveis brasileiros, Santa Catarina (38,5%); Rio Grande do Sul (26,2%); e Paraná (15,2%), correspondem a 80% do montante, analisados os meses de janeiro e fevereiro de 2018. Neste bimestre, os três estados apresentaram um crescimento nos valores exportados, frente ao mesmo período de 2017. Na sequência, aparece São Paulo com 12,2% dos valores exportados entre Janeiro e Fevereiro deste ano, seguido por Minas Gerais (3,6%).

Fonte: ABIMÓVEL